Saúde & BelezaSaúde

Aparelho de hemodinâmica do Regional entra em operação

O primeiro paciente atendido foi de Taió e deu entrada com suspeita de infarto agudo

O novo equipamento de hemodinâmica do Hospital Regional de Rio do Sul, que entrou em funcionamento nesta terça-feira (23), tem condições de dobrar a capacidade de exames mensais, que atualmente é de 120. O aparelho, da marca Phillips, modelo Azurion F15, é um dos mais modernos do mundo, permitindo a realização de procedimentos com facilidade e confiança, uma excelência em qualidade de imagem em 3D e precisão sobre a extensão da lesão obstrutiva e versatilidade. O investimento foi de US$ 385 mil dólares, o que equivalente a cerca de R$ 1,5 milhão, no câmbio da época. Mais R$ 500 mil foram aplicados na construção das novas instalações.

O presidente da Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí (Fusavi), Giovani Nascimento, destacou que a gestão financeira dos últimos 10 anos permitiu pela primeira vez, ao longo dos 25 anos de funcionamento do hospital, a aquisição deste equipamento de ponta, sem a necessidade de financiamento bancário. “São poucos hospitais no país que possuem esse modelo”. O atual foi adquirido em 2006 com o tempo de vida útil já ultrapassado e tem que ser desativado por determinação da Vigilância Sanitária. Nascimento observou que o hospital é referência cardíaca para os 28 municípios da região, atendendo pelo Sistema Único de Saúde (SUS), convênios e particulares.

O primeiro paciente que realizou um procedimento de forma oficial foi de Taió. Com 72 anos, deu entrada com suspeita de infarto agudo e teve que realizar cateterismo de emergência. O seu estado clínico não foi divulgado. O médico Ian Teixeira destacou que o novo equipamento trás qualidade de imagem infinitamente superior, que o outro não possuía. Os pacientes serão atendidos de forma melhor, de acordo com a médica Ottavia Hellbok. Ela observou que atualmente o número de procedimentos mês fica em torno de 100, mas pode dobrar com o andamento dos exames. “Se houver demanda pode ser mais do que os 200”, complementou.

Assine nossa Revista

Garanta sua assinatura e receba a revista em casa!